Esse é Daigo Umehara. Ele é o Deus dos Jogos de Luta e tem algumas considerações a fazer sobre Super Street Fighter IV Arcade Edition. Amém.

Talvez você nunca tenha ouvido falar de Daigo Umehara. Mas você certamente já assistiu a este vídeo:

Trata-se de uma vitória impressionante de Daigo na edição 2004 do EVO, maior campeonato de jogos de luta do mundo. O homem que já foi chamado de “Deus dos Jogos de Luta”  e de “A Fera” foi convidado a dar suas impressões sobre Super Street Fighter IV Arcade Edition, que, como o nome sugere, é a versão para máquinas do mais recente jogo de luta da Capcom. Ele traz novos personagens, novos ajustes e, segundo Umehara, muda toda o panorama dos lutadores de cabeça para baixo.

“Vai virar um jogo de Yun, Yang, Fei Long, Viper, e os personagens que o pessoal vai tentar usar para vencê-los”, disse o campeão do EVO 2009 ao blog de SSFIV da Famitsu. “Os personagens de magia estão acabados. Os que não têm projéteis ficaram fortes demais, talvez com a exceção do Dee Jay. O Sagat ficou um pouco melhor, mas outros, como Ryu, Akuma, Guile, Dhalsim e Chun-Li, ficaram muito fracos”, considerou.

“É como se tudo tivesse virado do avesso”, completou Daigo, lembrando que no SFIV original quem mandava eram justamente os “hadoukeiros”. Ele ainda contou à Famitsu que, provavelmente, abadonará um de seus personagens principais (Guile e Ryu) para se dedicar ao novato Yun e às oportunidades abertas por um de seus especiais, o Gen-Ei Jin. O estrago, para fins de referência, é mais ou menos este:

Super Street Fighter IV Arcade Edition já está disponível nas casas de fliperama japonesas, as mesmas que os “civis” consideram caras e barulhentas. Além de retoques no equilíbrio entre personagens, o game também introduz dois personagens inéditos (Yun e Yang, de SFIII) e os que eram exclusivos da edição para consoles do primeiro Street Fighter IV. Ainda há fortes indícios de que Evil Ryu e Oni Akuma serão incluídos, via download, nos SSFIV dos consoles caseiros.

Já Daigo, apesar de ainda carregar uma boa dose de fama e ter se tornado, recentemente, jogador profissional da marca de acessórios Mad Catz, não tem se dado muito bem com seu tradicional Ryu em torneios internacionais. O Japão tem sido mais bem representado por jogadores como Mago, um dos melhores Fei Long em atividade, e Tokido, um dos melhores Akumas em atividade. A prova, abaixo:

E você, animado para a chegada de Arcade Edition? Compartilhe seus sentimentos, mas sem (muita) violência.

Umehara e SSFIVAE [Famitsu, em japonês]

[Foto: Daigo Umehara, a Besta de Street Fighter - Famitsu.com]